quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

MORRE A PRIMEIRA TROVADORA

MORRE A PRIMEIRA TROVADORA


A trovadora, repentista e acordeonista Doralice Gomes da Rosa morreu neste sábado, em sua casa, quando se recuperava de um Acidente Vascular Cerebral. Nascida em 20 de janeiro de 1933, era natural de São Francisco de Paula, mas vivia em Porto Alegre há muitos anos.
 
Doralice começou a fazer improvisos em rimo de trova e logo se consagrou no estilo "mi maior de gavetão", a mais tradicional. Em 2009 recebeu da Assembleia Legislativa o prêmio Vitor Mateus Teixeira de Melhor Trovadora.
 


Foi reconhecida por Paixão Côrtes como a primeira mulher trovadora do Estado. Em 2007 o folclorista fez um documento registrando em cartório o pioneirismo de Doralice.
 
Em 1955, ela foi a primeira voz feminina do programa de rádio Grande Rodeio Coringa, comandado por Paixão e Darcy Fagundes. Era viúva do poeta Conrado da Rosa.

Matéria compartilhada do blog do Léo Ribeiro.

Por hora é isso inté fui...