sábado, 15 de agosto de 2015

DESFILES E CAVALGADAS, COMEÇAM A SER CANCELADOS.

DESFILES E CAVALGADAS


COMEÇAM A SER CANCELADOS 


Devido a doença do Mormo, diversos desfiles e cavalgadas pelo Estado começam a ser cancelados. Em São Francisco de Paula o CTG Rodeio Serrano, através do Patrão Jaures Feijó, adiantou que não organizará a pioneira, a mais antiga Cavalgada de Prendas do Rio Grande do Sul (foto).
 
Da mesma forma, Piratini não realizará seu tradicional desfile de cavalarianos no dia 20 de setembro. A decisão foi tomada ontem à noite, quando representantes de entidades tradicionalistas do município debateram os perigos oferecidos pelo mormo, uma doença que é altamente contagiosa para animais, principalmente cavalos, e pode atingir humanos.
Para simbolizar o desfile de cavalarianos, o vereador Sérgio Castro (PDT) propôs que fosse feito um desfile temático para que a data máxima do Estado não passasse em branco. "Estamos estudando mecanismos de não cancelar todas as atividades. Com muito diálogo e troca de ideias, encontraremos o método de fazer uma celebração a data", discorreu Castro.
Segundo o patrão do CTG 20 de Setembro, Gilson Gomes, todas as 10 entidades presentes na audiência concordaram com a não realização do desfile. "Entramos em comum acordo, devido aos riscos do mormo. Além disso, existem penalizações muito severas caso todos os equinos não tenham a documentação e vacinas exigidas", disse Gomes.

Bagé, Caçapava do Sul e Dom Pedrito, na mesma região, também cancelaram seus desfiles de cavalarianos.

Compartilhado do blog de Léo Ribeiro.

Por hora é isso, inté fui...